A Secretaria Municipal de Assistência Social de São Miguel do Iguaçu está realizando durante os dias 05 e 06 de julho uma capacitação para os servidores públicos e à população em geral para apresentar o programa Família Acolhedora.

O Município está em fase de implantação da modalidade de acolhimento familiar através da ‘Família Acolhedora’ – Programa de acolhimento sob o projeto de Lei Federal nº 7.047/2014, a qual propõe esta modalidade de acolhimento aos municípios, com o suporte do Ministério Público e Poder Judiciário.

Atualmente São Miguel conta com o serviço de acolhimento institucional ‘Casa Lar’ para crianças e adolescentes em situação de risco.

Para capacitar os funcionários e também apresentar o programa, a Assistente Social de Cascavel, Neusa Cerutti, é quem está ministrando os trabalhos. “O Município está de parabéns com essa iniciativa, praticamente todos os municípios do Brasil estão fazendo a substituição da Casa Lar para Família Acolhedora. Olha só, uma criança que já sofreu violência em casa, ficar em uma instituição aonde não é vista ou tratada na sua particularidade ou individualidade, isto está comprovado através de pesquisas, que não é benéfico pro desenvolvimento da criança, por isso esse novo programa vem trazer um acolhimento mais digno para a criança”, explica Neusa.

Após a capacitação, para a implantação da Família Acolhedora, o Social ficará responsável em criar uma comissão do Conselho Municipal da Assistência Social e da Criança e do Adolescente, aprovação dos demais conselhos, para então, encaminhar o projeto de Lei para o Legislativo Municipal para sua aprovação e sansão do Prefeito Municipal.

 

Tallini Klassmann – Jornalista MTE 10.115/PR

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO, IMPRENSA E MÍDIA SOCIAL


Compartilhe

Google+