O Ministério Público do Estado do Paraná, através da 1ª Promotoria de Justiça da comarca de São Miguel do Iguaçu convocou uma reunião com o Prefeito Claudio Dutra, equipe de Governo, Força Verde, IAP, vereadores e Conselho de Segurança, para definir providências com relação às invasões em áreas de proteção ambiental.

São Miguel do Iguaçu possui seis pontos de áreas invadidas, sendo no perímetro urbano, na Ecovila, Barro Branco, perto do ferro velho do Baixinho e na saída do Município para Missal, nos dois lados da PR 497 na Rua Alfredo Chaves. E também na área rural no antigo Bosque em Santa Rosa.

Para diminuir esse alto índice de famílias que vivem em áreas de risco, o Promotor de Justiça, Pedro Gabriel Hayashi Almeida, junto com o Poder Executivo e Legislativo e órgãos de segurança, irão convocar reuniões com os moradores das áreas de proteção legal, para medidas necessárias de evacuação.

“Pela questão social não possível fazer um despejo em massa do dia para a noite. Estamos buscando um equilíbrio. Estas famílias correm risco de alagamentos, desabamento e erosões”, afirma o Dr. Pedro.

A Secretaria de Assuntos Comunitários estará fazendo um levantamento de quantas pessoas estão morando nestas áreas e, nos próximos dias, todas as famílias serão convocadas para reuniões. Data e local ainda serão divulgados.

 

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO, IMPRENSA E MÍDIA SOCIAL


Compartilhe

Google+