Felipe Banderó está cada vez mais se tornando ídolo do Pallavolo Lugano na Suíça, o atleta são-miguelense começou muito jovem a patricar e se apaixonar pelo esporte nas escolinhas de categoria de base no município de São Miguel do Iguaçu, ao comando do professor de educação física Álvaro Depiné.

 

Nas palavras do professor Álvaro ele destaca “Banderó é um menino de perseverança, dedicação e amor ao esporte, embora já não seja mais o garoto que começou com a gente anos atrás. Tenho certeza que toda sua família se orgulha por ser um dos nomes com maior destaque no voleibol mundial, seus pais e eu esperamos a sua convocação para a seleção brasileira, já que sua estrela tem brilhado tanto, nada mais justo que estar lá”.

 

Banderó foi destaque entre os brasileiros que estão no voleibol internacional, em 2007 ele foi campeão juvenil do mundial no Marrocos, inclusive a equipe do Loguno conquistou a supercopa da Suíça 2012 e assim colocou o seu nome e sua equipe na historia "Estou muito feliz em poder ajudar a equipe a conquistar um título de tamanha importância. Esse título da Supercopa foi importante também para avaliar o potencial da nossa equipe", afirmou o atacante.

 

Banderó divide com sua equipe os méritos de fazer história com a equipe do Lugano. "Creio que nosso grupo é difícil destacar uma pessoa, pois o grupo é muito maior. Nosso time está muito coeso, muito unido em prol do mesmo objetivo. Acho que se tivesse que destacar alguém com toda certeza eu destacaria nossa comissão técnica e staff pelo trabalho desenvolvido. E claro, o projeto do presidente Davide Ederlin que vem colhendo bons frutos, desde as categorias de base", acrescentou.


Compartilhe

Google+