Representantes do Governo Municipal de São Miguel do Iguaçu e das Polícias Militar e Civil estiveram reunidos na sala de reuniões da prefeitura no final da tarde de quinta-feira, 20, para tratar sobre a segurança no município.

O prefeito, Motta; o vice-prefeito, Claudio Rodrigues; e os secretários municipais de Assistência Social, Adriana da Silva Motta; Assuntos Comunitários, Alexandro Alcará e de Finanças, Ledenir Presa, recepcionaram os representantes da Polícia Militar, sendo eles, o comandante do 14º Batalhão de Foz do Iguaçu, major Adelar Davies, acompanhado do major Renato e do Tenente Mendes, o comandante da 2ª Cia de Medianeira, Capitão Emerson, e do comandante do Pelotão no município, Tenente Gois. Também participaram da reunião o delegado da Polícia Civil, Walcely de Almeida, e o vice-presidente do Conselho Comunitário de Segurança, Lucas Pinheiro.

No encontro, o Governo Municipal apresentou as demandas da comunidade são-miguelense que cobra mais segurança, e pediu uma intensificação nos trabalhos de policiamento no município, principalmente na área rural, onde moradores estão relatando a ocorrência de muitos crimes, principalmente de furtos.

Segundo o relatado pelos policiais, os moradores de São Miguel do Iguaçu não têm registrado Boletim de Ocorrência (BO) dos crimes, por isso, não há registro de um alto índice de criminalidade no município.

Diante do exposto, o vice-prefeito, Claudio Rodrigues, fez um apelo a todos os munícipes, para que registrem qualquer situação criminosa, independentemente da gravidade. ‘Se aconteceu o crime, não importa o tamanho, registre! Se furtar qualquer objeto que seja ou matar algum animal na propriedade, por exemplo, precisar fazer o Boletim de Ocorrência. Precisamos dos números para apresentar ao Governo do Estado e cobrar soluções para nossa comunidade’, solicitou.

Apesar do baixo registro de criminalidade, o comando da Polícia Militar assumiu o compromisso de dar um maior suporte para o município de São Miguel do Iguaçu.

Ainda em relação à segurança, também foi solicitado apoio nos trabalhos de fiscalização de cumprimento do decreto municipal, que impõe restrições no atendimento do comércio e lockdown no fim de semana. Uma conversa preliminar com o delegado já havia tratado sobre o apoio da polícia na fiscalização e também no combate aos crimes que estão sendo registrados.

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO, IMPRENSA E MÍDIA SOCIAL

Notícias Relacionadas

Vice-prefeito busca parceria com a FETAEP para for... O vice-prefeito de São Miguel do Iguaçu, Claudio Rodrigues, esteve cumprindo agenda nesta semana na cidade Curitiba, buscando recursos e parcerias pa...
III Campeonato Municipal de Karatê reúne crianças ... Foi realizado na quarta-feira, 24, o III Campeonato Municipal de Karatê de São Miguel do Iguaçu, que contou com a participação de alunos integrantes ...
COE prorroga medidas preventivas e define protocol... O COE (Comitê de Operações de Emergências) de São Miguel do Iguaçu esteve reunido na manhã desta sexta-feira, 25, para debater sobre as medidas preve...
Educação adia início das aulas presenciais na rede... A secretaria municipal de Educação de São Miguel do Iguaçu adiou o início das aulas presenciais na rede municipal de ensino que estava previsto para ...

Compartilhe

Google+