Representantes do Governo Municipal de São Miguel do Iguaçu e da Itaipu Binacional estiveram reunidos na terça-feira, 15, na sala de reuniões da prefeitura, para avaliar as atividades e traçar o Plano de Ação da Unidade de Valorização de Recicláveis (UVR) do município. Ela está junto ao Aterro Sanitário, localizado no distrito Balneário Ipiranga, e hoje é administrada pela Associação dos Agentes de Meio Ambiente e Reciclagem de São Miguel do Iguaçu (AMAR), que conta atualmente com 24 associados e que em 2021 comercializaram, em média, 41 toneladas por mês de material reciclável.

Nesse encontro foi traçado um plano de ação com o objetivo de organizar atividades, responsáveis, recursos, prazos e resultados esperados para planejamento e implantação de um Programa de Coleta Seletiva no município de São Miguel do Iguaçu.

Entre eles está o encerramento do aterro sanitário nesse local e licenciar a operação de um novo. O secretário de Planejamento, Gunar Henrique Guedes, informou que esse plano já está em ação e até o final do mês o projeto do novo aterro municipal vai para licitação e até o final do ano será lançada a ordem de serviço. “A área de 96.800m² está localizada na comunidade Linha Piazza e foi avaliada em R$ 2.520.000,00 (dois milhões quinhentos e vinte mil reais)”, destacou.

Na área do novo aterro será instalada estrutura completa para os trabalhos da AMAR, com equipamentos modernos que permitem melhores condições de trabalho na separação dos materiais e também será preparada uma ampla área de aterro para atender a demanda do município nas próximas décadas.

Outros Planos de Ações também foram traçados como organizar a rota e o cronograma de coleta seletiva do munícipio; palestras/reuniões e capacitações com os responsáveis pela coleta (motoristas e coletores) para orientação da rota; realização de processos de educação ambiental junto às escolas; campanha com Agentes Comunitários de Saúde e de          Endemias para replicar informações educativas durante as visitas; visita a pelo menos 01 prédio público (posto de saúde, escola, assistência social) por mês para conferência das lixeiras (recicláveis, rejeitos, etc.).

A meta, segundo o Plano, é fazer com que sejam produzidas na UVR 60 toneladas de material reciclado por mês e atingindo 25 postos de trabalho.

Para Rubens de Souza André, Gestor de Bacias Hidrográficas da Itaipu Binacional, essas ações são fundamentais para o sucesso dessas Unidades. “A Itaipu Binacional é parceira dos Municípios Lindeiros nesse trabalho fundamental de preservação do Meio Ambiente”.

Segundo Sabrina Matiello, Analista Ambiental do Parque Tecnológico de Itaipu (PTI), o município de São Miguel do Iguaçu tem um grande potencial de crescimento no trato com o material reciclado. “Para isso, precisamos o apoio de toda a população para que o material chegue até a Associação e colabore na separação desses materiais”.

A técnica da Associação e Assessora Adjunta da secretaria de Meio Ambiente, Angélica Daiane Kaminski Kipper, disse que esse Plano de Ação vai ser realizado com o esforço e dedicação de todos. “Trabalhar a Educação Ambiental será uma ferramenta fundamental para atingir os objetivos do Plano”.

Também participaram do encontro o prefeito Motta; os secretários de Obras e Viação, Rodrigo Frigo; Finanças, Ledenir Presa; chefe de gabinete, Jones Márcio de Souza; diretor de Meio Ambiente, João Everaldo Alexandre Costa; e a Oficial Administrativo da secretaria de Meio Ambiente, Ionara Hoffmann.

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO, IMPRENSA E MÍDIA SOCIAL

Notícias Relacionadas

Equipe de Futebol de Campo vence mais uma e é líde... A equipe de Futebol de Campo de São Miguel do Iguaçu venceu a terceira partida seguida na 4ª Copa Oeste de Futebol. No domingo, 01, venceu em casa a ...
Governo Municipal conhece projeto de equoterapia d... O Governo Municipal de São Miguel do Iguaçu, representado pela equipe da secretaria de Cultura, Esporte, Lazer e Turismo, esteve visitando na terça-f...
Governo Municipal e ASR iniciam o projeto “Dengue,... Na semana em que o município registrou um aumento significativo nos casos confirmados de dengue e alto índice de infestação do mosquito transmissor, ...
CAPS realiza palestra sobre prevenção às drogas co... O Centro de Apoio Psicossocial (CAPS) de São Miguel do Iguaçu, vinculado à secretaria municipal de Saúde, realizou na última sexta-feira, 24, no Cent...

Compartilhe

Google+