O Governo de São Miguel do Iguaçu, por intermédio da secretaria de Assuntos Comunitários, Segurança e Trânsito, está implantando 06 faixas elevadas em frente às escolas do município. O investimento é da ordem R$ 146.576,60, com recursos próprios.

Nesta primeira etapa estão sendo concluídas as faixas em frente às Escolas Municipais Serafim Machado de Souza (Jardim Paraguaçu), Pequeno Príncipe (centro), José Francisco de Oliveira (Bairro Santa Catarina) e Henrique Ghellere (Bairro Floresta), Colégio Estadual Cívico-Militar Nestor Victor dos Santos e Colégio Ativa, ambos no centro.

O objetivo é melhorar as condições de acessibilidade e segurança dos pedestres nessas vias públicas, local de grande fluxo de pessoas, além de ampliar a visibilidades da travessia dos pedestres e reduzir a velocidade dos automóveis.

O secretário da pasta, Alexandro Alcará, relatou que essa ação visa melhorar a segurança dos pedestres e também serve como redutor de velocidade, uma vez que são lugares de alto fluxo de veículos. “Praticamente todas as faixas estão concluídas e até o final de semana o trânsito deverá estar liberado nas escolas do centro da cidade, as últimas que estão sendo feitas”.

O pai de um dos alunos da Escola Serafim Machado, Jhonatam Costa, aprovou a iniciativa porque o tráfego de pessoas e veículos no início e final da aula é muito grande. “São áreas de muito movimento e que precisam ter investimento em segurança”.

A diretora da Escola Serafim Machado, Joseneia Pereira de Azevedo Bortoluzzi, percebeu um maior respeito dos pedestres e motoristas com a implantação da faixa. “É uma tranquilidade e segurança maior e todos estão entendo a necessidade do respeito”.

O Sr. Clenaldo Araújo, que leva o filho a pé na Escola José Francisco, observou que há um respeito maior dos motoristas com a faixa elevada. “Ela é percebida de longe e me sinto seguro em usá-la quando trago meus filhos para a escola”.

A professora Jucielli Bortoluzzi Scherer, que acompanha a entrada dos estudantes na Escola José Francisco, percebeu que os motoristas, principalmente, passam com mais atenção devido à faixa. “Passam devagar e olham para os lados atentos à presença de alguém na faixa. Um investimento que valeu a pena”.

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO, IMPRENSA E MIDIA SOCIAL


Compartilhe

Google+