O Governo Municipal de São Miguel do Iguaçu reabriu nesta semana a Maternidade, que volta a funcionar na estrutura do Complexo Hospitalar Municipal. Os atendimentos estão sendo realizados junto à estrutura do Pronto Atendimento.

No final do ano passado, o prédio onde funcionava a Maternidade foi transformado em uma Ala Covid, por isso, não foi mais possível realizar os partos no município, sendo as futuras mamães encaminhadas para municípios vizinhos que tinham convênio com a prefeitura.

Desde que assumiu a Administração Municipal, a gestão Motta/Claudio Rodrigues esteve empenhada em resolver essa situação, porém, o agravamento da pandemia acabou atrapalhando os planos, pois os atendimentos da Ala Covid exigiam, além do espaço físico, atenção redobrada de profissionais e uma alta demanda de medicamentos.

Após um grande trabalho de organização interna, pessoal e estrutural, foi possível adequar uma parte do Pronto Atendimento e transformar em leitos totalmente preparados para as mães e as crianças recém-nascidas.

Além da adequação física, também foi garantida a presença de profissionais especialistas durante os partos, através da contratação de obstetras, pediatras e anestesistas, que ficam de plantão 24 horas por dia, prontos para atender qualquer situação.

‘Com essa adequação que realizamos, conseguimos garantir os atendimentos do Pronto Atendimento e também da Maternidade com segurança, mantendo esses pacientes longe da Ala Covid e com todo o apoio profissional necessário’, destacou a secretária municipal de Saúde, Carline Slovinski Acordi Garcia.

E todo o empenho para reabertura da Maternidade já teve resultado! Na noite da última segunda-feira, dia 10 de maio, mais precisamente as 22h10, foi registrado o primeiro parto do ano através de uma cesárea.

A mãe, Andriele Johana Delega Fogaça, deu a luz ao seu segundo filho, Gabriel Fogaça Knak, que nasceu com 49 cm e pesando 3.432 kg. ‘Me atenderam muito bem e o nenê também. Eu cheguei com muita dor. Eles rapidamente preparam tudo, toda a equipe foi muito atenciosa e foi tudo muito rápido. Cuidaram muito bem de mim e quando nenê nasceu o pediatra cuidou muito bem dele. O sentimento é de gratidão e muita alegria!’ agradeceu.

O parto foi realizado pela equipe formada pela obstetra Pricila C. Paloschi, que acompanhou também todo o pré-natal, pelo pediatra Marco Aurélio Farinazzo, e pelo anestesista Deusimar C. dos Santos.

Na tarde de terça-feira, 11, a secretária de Saúde, Carline, esteve visitando a família na Maternidade, seguindo todos os protocolos e medidas preventivas, onde conheceu mãe e filho.

De acordo com o diretor Administrativo do Hospital e Maternidade, Abel Kramer, a retomada dos partos no município visa ‘garantir uma assistência humanizada, adequada, com pediatra, obstetra e anestesista dando toda a assistência na hora do nascimento. E nada melhor do que isso acontecer no município de residência da família’, pontuou.

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO, IMPRENSA E MÍDIA SOCIAL

Notícias Relacionadas

Mais de 80% da população adulta de São Miguel do I... A vacinação contra Covid-19 segue avançando em São Miguel do Iguaçu e o município já chegou a mais de 80% da população adulta vacinada com pelo menos...
Realizada a abertura oficial da 3ª Copa Joaquim Al... Foi realizada na noite de sexta-feira, 22, a abertura oficial da 3ª Copa Joaquim Alves de Bocha, em São Miguel do Iguaçu. A competição é organizada p...
Saúde de São Miguel do Iguaçu recebe mais 300 dose... A secretaria municipal de Saúde de São Miguel do Iguaçu recebeu mais 300 doses de vacina contra o coronavírus e vai iniciar a aplicação das mesmas ne...
Decreto regulamenta horários de atendimento para o... Será publicado no Diário Oficial Eletrônico do município de São Miguel do Iguaçu nesta quinta-feira, 11, o decreto nº231/2021, que regulamenta novas ...

Compartilhe

Google+