Kauan Welter, nascido na Comunidade de Santa Rosa do Ocoi e que aos 15 anos já destaca na rede de voleibol seus respeitáveis 1 metro e 95 centímetros de altura.

 

Essa é a nova revelação do voleibol sãomiguelense, descoberta pelo técnico Álvaro Depiné, 44, e que há mais de 20 anos se dedica ao esporte, inicialmente como atleta e agora também como professor e técnico das equipes de base da cidade.

 

Kauan joga como oposto no time comandado pelo professor que comenta: “o moleque tem potencial e terá um futuro promissor no voleibol brasileiro, jogando na posição de oposto. Além da envergadura seu poder de ataque é muito forte” – afirma.

 

A sua opção pelo voleibol resulta da influência paterna. Seu pai, Renato Welter jogou voleibol e foi um dos incentivadores do filho, tendo em vista estatura que sempre foi diferenciada dos demais meninos da sua idade.

 

Seletiva Paranaense

As apresentações do jovem jogador na Copa Oeste de Voleibol, dos Jogos Escolares do Paraná e os comentários dos técnicos chegaram ao conhecimento do Técnico da Seleção Paranaense de Voleibol Masculina, Eduardo O. Linder que comanda a comissão técnica paranaense que vai disputar o Campeonato Brasileiro de Seleções Sub 17, entre os dias 6 e 11 de maio, em São Paulo.

 

Os convocados para a seletiva paranaense treinam desde segunda-feira, 23, no Ginásio de Esportes Oscar Pereira, em Ponta Grossa e a comissão técnica deverá promover alguns cortes já que o grupo de jogadores que viaja para São Paulo será composto por 12 atletas.

 

Kauan é o quinto jogador de voleibol sãomiguelense que tem chances na seleção paranaense. Ao ser informado da convocação do jovem atleta e suas chances de despontar no vôlei nacional o prefeito Armando Polita se manifestou satisfeito. “O Álvaro é experiente e conhece a nossa forma de trabalhar e incentivar a prática do esporte entre os jovens. Assim todos ganham com a formação de verdadeiros cidadãos. Espero que ele também seja destaque” – afirmou o prefeito.

 

O professor Álvaro Depiné está otimista quanto ao futuro do seu pupilo ao mesmo tempo que manifesta o agradecimento pelo apoio recebido dos patrocinadores. “Quero aproveitar para agradecer o governo municipal, através do Departamento de Esportes, a UNIGUAÇU/Faesi, Transmorgan, Grandinox, Ortodontia Borille, Posto Jóia e a Trena Materiais para Construção. Todos têm acreditado na nossa proposta e graças a eles que estamos mantendo o voleibol de base”, finalizou o treinador.


Compartilhe

Google+