Uma turma de 10 jovens concluiu nesta quinta-feira (06/06) o curso de formação de Garçom ministrado pelo Senac na Escola do Trabalho de São Miguel do Iguaçu. O evento de encerramento contou com a presença do vice-prefeito Maurão Remor, o secretário de Indústria, Comércio e Serviços, Luiz Antonio Klajn, a coordenadora da Escola do Trabalho, Sirlene Moro, e o gerente executivo do Senac Cataratas, Jayme Gilberto Ferreira, além do instrutor do curso e consultor do Senac, José Custódio de Barros Filho.

 

Antes da entrega dos certificados, o gerente do Senac falou da falta de profissionais qualificados no mercado. “Existe muita escassez de mão de obra capacitada neste e em vários outros segmentos. O curso foi de extrema importância. O ramo de alimentação é um dos que mais existe e percebemos que, por mais que o empresário tenha interesse e ensine o garçom, ainda não é suficiente para que o profissional desenvolva bem o seu trabalho. Por isso é tão importante esta qualificação que vocês fizeram”.

 

Para o segundo semestre deste ano, Jayme informou que deverão abrir mais vagas de cursos gratuitos e de nível técnico para o município por meio do Pronatec, do governo federal. A previsão é que sejam disponibilizadas 1.200 vagas na região.

 

O vice-prefeito parabenizou os novos garçons, bem como o Senac e a Escola do Trabalho e todos os envolvidos para o sucesso do curso. “Esta é uma profissão digna e honrada como qualquer outra. Hoje no mercado de trabalho não há mais espaço para o profissional ‘meia boca’. O esforço de vocês é válido, pois quanto mais se capacitarem, mais sucesso e rendimentos terão. E em nossa região temos muitas oportunidades para este tipo de serviço”, disse Maurão Remor.

 

O aluno Alan Mateus, de 22 anos, afirmou que o curso serviu para aprimorar a base que ele tinha sobre a profissão. “Pretendo trabalhar aqui no município. Eu tinha apenas uma noção básica, agora posso por em prática o que aprendi. Tem muita gente que não tem como pagar um curso desses, e com essa parceria da Prefeitura e o Senac, sai bem em conta para nós”, comentou Alan.

 

O curso teve duração de 60 horas/aula e os alunos tiveram a oportunidade de treinar a prática na Churrascaria Dal Moro.

 

 

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO


Compartilhe

Google+