Em uma parceria com a administração municipal, através da secretaria de educação e com o colégio Dom Pedro da comunidade de São Jorge, o Parque Nacional do Iguaçu, por meio da Escola Parque vem desenvolvendo diversas ações para preservação das águas do lago. Para isso, um grupo de trabalho foi formado para trabalhar no monitoramento ambiental dos rios do Parque.

 

De acordo com o diretor do Parque Nacional do Iguaçu, Jorge Luiz Pegoraro, este trabalho, através dessas parcerias, visa passar alguns títulos básicos sobre a questão da preservação ambiental.

 

“É um trabalho amplo, bem como prático, aonde os alunos vão até o rio Represinha, que no caso está recebendo esse projeto, no sentindo de conhecer, saber o que está acontecendo com o rio, ou seja, se a água está boa, se o rio está assoreado, se tem mata ciliar, enfim.

 

Os próprios alunos vão trabalhar com a orientação dos nossos técnicos nesse monitoramento ambiental”, ressaltou Jorge Pegoraro.

 

Para a secretária municipal de educação, Margarida Pansera, dar início a esse projeto em São Miguel só vem a acrescentar para o conhecimento dos alunos do ensino médio.

 

“O mais importante é que os professores vão poder desenvolver atividades de educação ambiental relacionadas às disciplinas estudadas em sala de aula e o melhor disso tudo, os alunos vão aprender na prática  como cuidar das águas do rios e criar essa conscientização ambiental”, finalizou a secretária.

 

No lançamento do projeto, além de alunos e professores do Colégio Dom Pedro, estiveram também presentes o prefeito Polita, o vice Volnei, secretários municipais, coordenação da Sala Verde de São Miguel do Iguaçu e equipe do Parque Nacional do Iguaçu.


Compartilhe

Google+