Uma comitiva formada por representantes da Administração Municipal e da AMAR (Associação dos Agentes de Meio Ambiente e Materiais Recicláveis deSão Miguel do Iguaçu), realizou no último dia 17 de fevereiro uma visita a ACARESTI – Associação dos Catadores de Resíduos Recicláveis e/ou Reaproveitáveis de Santa Terezinha de Itaipu.

Estiveram no município vizinho, os secretários municipais de Meio Ambiente, Márcio Rogério Zanoni, e de Planejamento, Gunar Henrique Guedes; o diretor de Meio Ambiente, João Everaldo; a coordenadora Angélica Kaminski; a Oficial Administrativo, Katiane Silva; a vice-presidente da AMAR, Irma, e a associada Larissa, que foram recebidos pelo chefe de divisão de Coleta Seletiva de Santa Terezinha, Darlei Sauer de Souza.

O objetivo da visita foi conhecer o espaço e o funcionamento da ACARESTI, considerada um modelo de sucesso na área da reciclagem, tendo em vista que o Executivo Municipal tem planos de reestruturar a AMAR e implantar melhorias no processo de reciclagem em São Miguel do Iguaçu.

Para o sucesso da associação de agentes de meio ambiente é necessário um conjunto de ações públicas e privadas. Além da estrutura física adequada, é fundamental o contínuo apoio organizacional e administrativo, o apoio de toda a população na separação dos resíduos, o apoio de grandes geradores de resíduos, de instituições educacionais e de outras instituições públicas e privadas.

Criada em 2004, a ACARESTI conquistou sua sede própria no ano de 2006, na época os associados recebiam o apoio da prefeitura de Santa Terezinha de Itaipu através de dois funcionários. Em 2011, o barracão recebeu uma ampliação, através da Fundação Nacional de Saúde – FUNASA.

Porém, apesar de possuir sua sede própria, somente após o apoio administrativo contínuo e a implantação do Programa de Coleta Seletiva em Santa Terezinha de Itaipu, no ano de 2014, foi que a ACARESTI começou a alavancar seus negócios até se tornar um modelo no Estado do Paraná. Através das ações do Programa de Coleta Seletiva a população se conscientizou e os caminhões começaram a fazer a coleta (antes os catadores usavam carrinhos para a coleta nas residências), com isso ocorreu um significativo aumento na quantidade e qualidade do material coletado.

Atualmente a ACARESTI possui cerca de 40 associados e a coleta ultrapassa 100 toneladas por mês, chegando a reciclar 85% dos resíduos gerados.

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO, IMPRENSA E MÍDIA SOCIAL

Notícias Relacionadas

Saúde vacina hoje (04) idosos de 81 e 82 anos e bu... Dando sequência a 4ª etapa dos planos Estadual e Nacional de Imunização contra Covid-19, o Governo Municipal de São Miguel do Iguaçu, através da secr...
Pacientes que precisam de tratamento em outros mun... Pacientes de São Miguel do Iguaçu que necessitam de tratamento em outros municípios recebem todo o apoio do Governo Municipal, que através do Setor d...
Saúde vacina 290 idosos de 62 anos nesta quinta (2...  A secretaria municipal de Saúde de São Miguel do Iguaçu realizou na manhã desta quinta-feira, 29, a vacinação de 290 idosos de 62 anos, seguind...
Governo Municipal se reúne com o secretário estadu... Representantes do Governo Municipal de São Miguel do Iguaçu estiveram reunidos na tarde de quarta-feira, 07, com o secretário estadual de Infraestrut...

Compartilhe

Google+