O temporal que atingiu São Miguel do Iguaçu na madrugada desta quinta-feira, 06, causou muitos estragos e danificou Escolas Municipais, Centros Municipais de Educação Infantil (CMEI’s) e várias residências nos perímetros urbano e rural do município. Também foram registradas quedas de postes de luz e árvores em alguns pontos.

A Escola Municipal Henrique Ghellere, do Bairro Floresta, foi a que apresentou maiores danos, com parte da cobertura arrancada, parte elétrica danificada, o forro de PVC cedeu, entre outros problemas.  Na Escola Municipal Artur Cardoso, do distrito da São Jorge, também foram registrados muitos danos na cobertura.

Foram atingidos ainda pelo temporal a Escola Municipal Osório, no Bairro Novo Mundo, e os Centros Municipais de Educação Jacira Bongiolo Verona, da região da antiga Gaúcha, e Carolina Barela, no Jardim Panorama.

Após vistoria realizada pela Defesa Civil, que distribuiu lonas para o serviço emergencial, e Corpo de Bombeiros, equipes das secretarias de Educação e de Obras estão fazendo os levantamentos dos estragos para a compra dos materiais que serão necessários para os reparos.

Conforme a situação de cada instituição de ensino as crianças foram realocadas para outras salas de aula ou foram dispensadas, como é o caso da Escola Henrique Ghellere.

Além disso, tem a situação da Escola Municipal Ipiranga, no distrito de Balneário Ipiranga, que já recebeu vários reparos, porém, ainda teve problemas com o alto volume de chuva.

De acordo com a secretaria de Educação, o projeto de reforma e ampliação do prédio já está em fase de conclusão para ser encaminhado para licitação. A previsão é de que seja investido o valor aproximado de R$ 1,1milhão na estrutura da escola.

Além desse trabalho nas instituições de ensino, a Defesa Civil também atendeu diversas situações no município. Até o início da tarde já haviam sido distribuídos mais de 5 mil m² de lona para famílias que tiveram suas casas destelhadas ou algum tipo de problema na cobertura, sendo a maioria dessas residências nas diversas regiões do perímetro urbano.

A Defesa Civil registrou ainda queda de pelo menos oito postes de luz ou de comunicação na região do distrito da São Jorge e São Lourenço, além da queda de algumas árvores.

Também estão sendo monitoradas as regiões baixas da cidade, próximas aos rios, onde em outras chuvas de grande volume foram registradas enchentes.

Se precisar de apoio o registrar alguma situação o munícipe pode entrar em contato pelos telefones 193 e 199.

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO, IMPRENSA E MIDIA SOCIAL

Notícias Relacionadas

VAGAS DE EMPREGO | AGÊNCIA DO TRABALHADOR Confira as vagas da Agência do Trabalhador de São Miguel do Iguaçu para esta segunda-feira (22/08/2022): LAR – Entrevistas de 2a a 6a feira a...
Saúde marca datas para vacinar população de 35 ano... A secretaria municipal de Saúde de São Miguel do Iguaçu marcou as datas para vacinar a população em geral de 35 anos e aplicar a 2ª dose da AstraZene...
Abertas as inscrições do PSS para Auxiliar de Serv... A prefeitura de São Miguel do Iguaçu está com inscrições abertas para o Processo Seletivo Simplificado (PSS) nº 006/2021, visando à contratação de Au...
Sábado (05) tem vacinação contra Covid-19 para cri... A secretaria municipal de Saúde de São Miguel do Iguaçu vai realizar neste sábado, 03 de março, a vacinação contra Covid-19 em crianças com idade ent...

Compartilhe

Google+