A equipe da Vigilância Sanitária de São Miguel do Iguaçu realizou na noite de ontem (11) mais uma busca ativa a procura de escorpiões, com intuito de fazer uma varredura em todo o território endêmico, na região central do município.

A ação contou com o apoio de profissionais de Itaipulândia e Missal, que estiveram aprendendo como capturar o escorpião no período noturno. Novamente, em 04 horas de serviço foram encontrados 74 aracnídeos. Na oportunidade, a equipe entregou panfletos informativos aos moradores.   

A Secretaria Municipal de Saúde, por intermédio da Vigilância faz um apelo aos moradores, onde alerta que a situação é grave, o apoio da comunidade é importantíssimo para o extermínio do animal.

“A limpeza e retirada dos entulhos dos terrenos são primordiais neste momento, telar os ralos, caixas de esgoto e de passagem também. Fazer a desinsetização das casas a cada quatro meses para a eliminação das baratas e insetos, e o cuidado na rotina diária de busca ao animal. Caso o morador encontrar algum escorpião, é recomendado que capture com cuidado e traga até a Vigilância em Saúde”, enfatiza a Diretora da Vigilância Sanitária e Epidemiologia, Priscila Dorigon.

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO, IMPRENSA E MÍDIA SOCIAL


Compartilhe

Google+